• quarta-feira , 12 dezembro 2018

União Gaúcha reúne-se com vice-governador eleito

União Gaúcha apoia manutenção das alíquotas do ICMS
4tIntegrantes da União Gaúcha reuniram-se, na tarde desta sexta-feira (23), com o vice-governador eleito, delegado Ranolfo, no Centro de Treinamento da Procergs, para manifestar apoio à manutenção da alíquota do ICMS (Imposto de Circulação de Mercadorias) nos patamares que se encontram hoje. A proposta do governo eleito é de mantê-las majoradas por mais dois anos. A matéria será objeto de pauta na reunião do Conselho Deliberativo da UG, na próxima segunda-feira 26).
 
Em 2015 a Assembleia Legislativa conseguiu aprovar o aumento de impostos, subindo de 17% para 18% em janeiro de 2016. O imposto sobre gasolina, álcool, telecomunicações e energia elétrica comercial e residencial acima de 50 kw também tiveram aumento de 25% para 30%. Os aumentos tinham validade até o fim do mandato do governador, ou seja, agora em dezembro de 2018. A reunião foi proposta pelo presidente da ASOFBM, Marcelo Gomes Frota.
O  presidente da UG, desembargador Cláudio Martinewski, em sua fala, justificou o apoia da entidade, já que seu escopo de trabalho é a luta pela Saúde e a Previdência Social e Pública. No entanto, o ICMS é o principal imposto do Estado e isso implica na organização e na melhoria das contas públicas, que resulta em benefícios também para estas áreas. O vice-governador eleito, Delegado Ranolfo, focou  na política que o seu governo deverá assumir a partir de janeiro de 2019. “Queremos aqui exercitar uma marca que será a do nosso governo, a do diálogo”, ressaltou.
A União Gaúcha estava representada pelo presidente e pela secretária-geral, Juliana Lavigne (presidente da ADPERGS). Estiveram presentes diversos presidente de entidades associadas da UG, Marcela de Farias Vargas (APERGS),  Cleiton Silvestre Munhoz de Freitas (ASDEP),  Josué Martins (CEAP/RS), Marcelo Ramos de Mello (AFISVEC),  vice-presidente do SINDIFISCO RS, Altemir Feltrin da Silva e diretor de Comunicação, Christian Jesus Silva de Azevedo. Também estava presente o presidente da FENASTEC,  Amauri Perusso.
Gilvânia Banker

Relacionados