• quinta-feira , 23 novembro 2017

Contribuição do servidor para a saúde será alterada? Entenda o que vai mudar no IPE

Na lista de perguntas e respostas, saiba como será a transição

Vanessa Kannenberg

O governador José Ivo Sartori confirmou, nesta terça-feira (15), as mudanças no Instituto de Previdência do Estado (Ipergs). O órgão será dividido em duas autarquias independentes, que vão se chamar IPE Saúde e IPE Prev.

Com autonomia administrativa e diretorias independentes, as autarquias, por enquanto, serão preenchidas com os atuais servidores, que serão divididos em dois grupos. Quem já trabalha mais focado em algumas das áreas, será deslocado para elas. Passados 180 dias do período de transição, os servidores poderão escolher onde querem atuar.

 

Entenda as mudanças:

O que vai mudar no IPE?
Haverá mudança na estrutura do sistema de previdência e assistência à saúde. Com isso, o IPE se dividirá em duas autarquias. O IPE Saúde será voltado para o sistema de saúde que atende aos servidores. Por sua vez, o IPE Prev ficará com a gestão do sistema de previdência.

Quais serão as vantagens na saúde?
Segundo o governo estadual, o sistema de saúde terá a inclusão de novos procedimentos e especialidades médicas. Além disso, haverá novo modelo de remuneração da rede credenciada e novas ações de promoção à saúde. No entanto, o governo ainda não revela detalhes sobre essa mudança, que ainda precisa ser debatida com integrantes da rede de saúde conveniada.

Quais serão as vantagens na previdência?
Entre as vantagens, o governo aponta, sem dar mais detalhes, a recuperação do equilíbrio do sistema previdenciário e a criação de modelo que tratará igualmente os cônjuges e companheiros como dependentes previdenciários.

Haverá mais despesas?
Apesar de anunciar mudança no modelo de remuneração para hospitais, médicos e clínicas, que ainda não foi detalhado, o Piratini garante que as mudanças não aumentarão os desembolsos do Estado.

O valor descontado para a Previdência será alterado?
O governo afirma que não haverá alteração.

A contribuição do servidor para a saúde será alterada?
O governo afirma que não haverá alteração.

Haverá vantagens para a rede credenciada?
Segundo o governo, a parceria com hospitais, clínicas e médicos conveniados será fortalecida com um novo modelo de remuneração.

Como ficará o quadro de servidores?
O IPE Saúde terá um quadro de pessoal próprio, que deverá ser criado por lei. Funcionará de maneira provisória com servidores cedidos pelo Ipergs até a realização do primeiro concurso público.

O atendimento no Interior continuará?
Assim como na Capital, o atendimento nas áreas de saúde e previdência seguirá no interior do Estado.

A sede do IPE será a mesma?
Sim. IPE Saúde e IPE Prev compartilharão o mesmo prédio em Porto Alegre, localizado na Avenida Borges de Medeiros.

Zero Hora

Relacionados